Arcebispo de Uberaba fala sobre trabalhos na Diocese de Formosa

No dia 12 de setembro de 2018, a Nunciatura Apostólica no Brasil comunicou a decisão do Papa Francisco em acolher o pedido de renúncia ao governo pastoral da Diocese de Formosa, no Estado de Goiás, apresentado por Dom José Ronaldo Ribeiro. A notícia foi publicada no Jornal L’Osservatore Romano, às 12 horas de Roma. Desde então, Dom Paulo Mendes Peixoto é o Administrador Apostólico sede vacante naquela diocese goiana e vem acompanhando de perto os diocesanos de Formosa e presidindo celebrações.

Logo que chegou a Formosa, Dom Paulo divulgou mensagem ao povo de Deus expressando sua comunhão com o Papa Francisco que o designou para “reconduzir à plena normalidade a vida desta amada porção do povo de Deus”, recorda o arcebispo.

Em suas homilias na diocese goiana, Dom Paulo tem frisado a importância da cooperação do clero para que o novo caminho seja trilhado na comunhão e na mútua ajuda. Elogiou a presença dos leigos nos trabalhos da Diocese e nas celebrações, bem como seu interesse na superação dos desafios apresentados.

Para 2019, Dom Paulo se dividirá novamente entre a Arquidiocese de Uberaba e a Diocese de Formosa. “Tanto em Uberaba como em Formosa nós temos o vigário-geral e pessoas que na minha ausência administram. Eu creio que esse processo irá continuar até, quem sabe, meados deste ano. Isso significa que terei que atender as duas Igrejas Particulares”, explica Dom Paulo.

Desde o final de 2018, o arcebispo planejou ir a Formosa apenas uma semana por mês. “Ficarei uma semana em Formosa e as outras em Uberaba. Com isto vamos dando a atenção que o Papa pediu até que seja nomeado um bispo para a Diocese de Formosa. Logo que for nomeado, iremos certamente preparar sua acolhida e, após a acolhida e a posse do novo bispo, estarei liberado para ficar apenas na Arquidiocese de Uberaba”, conclui.

Jordana Moreira Assessoria de Imprensa da Arquidiocese de Uberaba


*Fotos do site da Diocese de Formosa (GO)

0 visualização

Posts recentes

Ver tudo