Começa o período da Quaresma
Contato

Praça Dom Eduardo, 56 - Bairro Mercês - Uberaba - MG

(34) 3312-9565

Redes Sociais
Inscreva-se
Identidade visual para fundo escuro.png

INFORMAÇÕES

Praça Dom Eduardo, nº 56 - Mercês
Uberaba-MG - CEP: 38060-280
Tel: (34) 3312-9565

  • Secretaria / Chancelaria Ramal 1

  • Financeiro Ramal 2

  • Patrimônio Ramal 3

  • Tribunal Eclesiástico Ramal 4

  • Secretaria de Pastoral Ramal 5

curia.arquidiocesedeuberaba@gmail.com

ASSESSORIA DE IMPRENSA DA ARQUIDIOCESE DE UBERABA

HORÁRIOS DE ATENDIMENTO

  • Segunda a Sexta: 8h às 12h e 14h às 17h.

TVs Católicas

Rede_Vida_logo.png
cnbb-branca-260x80-2.png
vatican-news-header-white.png

Produzido pela pascom arquidiocesena

© 2019 by Arquidiocese de Uberaba

Pública na Rede

Começa o período da Quaresma

A Arquidiocese de Uberaba programou várias missas para esta Quarta-Feira de Cinzas, dia 18 de fevereiro, início da Quaresma.

O arcebispo dom Paulo Mendes Peixoto celebrou às sete da manhã, na capela do Carmelo. Ele ressaltou que as cinzas têm um tom de sacrifício e nos convida a uma reflexão de que esta vida é apenas passageira: “do pó viemos, a ele voltaremos”. Para tanto, completou dom Paulo, é fundamental que a nossa caminhada seja cercada de boas obras, acrescentando que a Quaresma é um momento ideal para avaliarmos a nossa vida e iniciar mudanças.

A maioria das celebrações, no entanto, será à noite, a partir das 19h. A imposição das cinzas é feita pelo sacerdote bem no começo da missa.

Nas celebrações de hoje as paróquias farão também a abertura da Campanha da Fraternidade, cujo tema é Igreja e Sociedade. Já o lema: “eu vim para servir”. O cartaz alusivo a CF deste ano traz a imagem do Papa Francisco beijando os pés de uma pessoa, simbolizando humildade e o serviço para o bem de toda a humanidade.

Segundo dom Paulo Mendes Peixoto com este tema a igreja espera uma integração ainda maior com a sociedade, contribuindo para o bem comum. O arcebispo, lembra, no entanto, que a meta da CNBB não é de resolver os problemas e sim ampliar os debates sobre o tema, fazer memória da caminhada, identificar as questões e propor rumos, inclusive, os espirituais. Dom Paulo entende que a campanha deste ano vem propor ainda o resgate do espírito de voluntariado das pessoas, capacidade de doação, sempre buscando promover uma sociedade de paz, mais justa e fraterna.

Na Arquidiocese de Uberaba o tema Igreja e Sociedade será debatido em todas as 10 regiões pastorais, de maneira a aprofundar o assunto. A campanha será refletida também entre as famílias através das reuniões nas casas, cujo instrumento é o Caderno Popular. Ainda sim, no final de março, a Igreja promoverá uma grande reunião com representantes da sociedade civil organizada.

Rubério Santos

Assessor de Imprensa

Uberaba, 18 de fevereiro de 2015.

4 visualizações