Live em prol da sede da CND é executado com sucesso

O projeto da live “Construindo nossa casa, edificando nossa história”, da Comissão Nacional dos Diáconos (CND), organizado pelos diáconos da Diocese de Uberaba, Minas Gerais, foi executado com sucesso, hoje, 1º de agosto de 2021, das 15h às 18h20, com transmissão ao vivo pela TV Realce. O objetivo da live foi arrecadar recursos, através de doações dos diáconos de todo o brasil, das CRDs, das Escolas Diaconais, de alunos e vocacionados das escolas diaconais, entre outras pessoas e organismos, visando a aquisição da sede da CND, em Brasília.


Antecipadamente, houve a venda de cotas de patrocínio da live e durante o evento os apresentadores convocaram diáconos e outras pessoas a fazerem doações de cotas. Centenas de pessoas de dezenas de cidades e dioceses do Brasil acompanharam o evento através dos canais do YouTube e Facebook da Comissão Nacional dos Diáconos. Eram pessoas de cidades e dioceses de Goiás, Amazonas, Minas Gerais, Rio Grande do Norte, São Paulo, Sana Catarina, Distrito Federal, Pernambuco, Paraná, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Sul, Acre, Sergipe, Maranhão, Rio de Janeiro, Ceará, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso do Norte e Bahia, entre outras não relacionadas.


No final da live foram sorteados brindes entre os que fizeram doações de cotas e apresentada a prestação de contas dos valores arrecadados. Ao todo, foram arrecadados R$ 13.825,00, somente com o evento. Somados ao que já vinha sendo arrecadado, a CND dispõe de um total de R$ 197.287,86, o que corresponde a 65,76% do total necessário para a aquisição da Sede. “A campanha para levantar os recursos necessários não termina com a live. Continuamos com a campanha e temos fé em Deus e a certeza de que conseguiremos os recursos para a aquisição da nossa sede física, em Brasília”, disse o Presidente da CND, Diácono Francisco Salvador Pontes Filho, no final da live. Ele também agradeceu a todos que contribuíram, entre os quais os Diáconos da Diocese de Uberaba e à diocese, que abriu as portas para o evento.


Fonte: Comissão Nacional dos Diáconos CND

6 visualizações