Nossa Senhora de Lourdes: “Eu sou a Imaculada Conceição”

Nossa Senhora de Lourdes: “Eu sou a Imaculada Conceição”

No mês de fevereiro, celebramos uma devoção mariana muito conhecida: Nossa Senhora de Lourdes, que apareceu para a menina Bernadete em 1858 na gruta de Massabielle, localizada nos arredores da cidade de Lourdes, na França.

Percebe-se que essa revelação da Mãe de Deus foi feita a uma pessoa simples, visto que Bernadete pertencia a uma família de camponeses, era pobre, analfabeta e, de acordo com os relatos, de saúde frágil. Isso nos mostra que Deus sempre age com simplicidade na vida de pessoas simples e humildes.

As aparições da Santíssima Virgem em Lourdes surpreendem todas as pessoas, justamente pela ternura com que Maria se apresenta naquele tempo em que havia um grande pensamento racionalista que se opunha à Igreja. Ela vem e se manifesta como a Mãe que se preocupa com seus filhos, trazendo alento e esperança a todos. Não foi fácil para a menina Bernadete, pois muitos não acreditavam nela, criticavam e até zombavam das mensagens testemunhadas por ela. Como bem disse o Papa Pio XI, “a voz daquela menina, mensageira da Imaculada, se impôs ao mundo”, chegando até nós e com certeza chegará ainda a muitas gerações futuras.

Podemos destacar que a centralidade da mensagem transmitida nas aparições de Lourdes está em quatro pontos que são essenciais para vivermos a fé cristã: a pobreza, a oração, a penitência e o dogma da Imaculada Conceição. Explicando cada um destes pontos para melhor compreendermos a mensagem: a pobreza evangélica é a condição que nos identifica com o Cristo que, em toda sua vida, foi pobre e obediente; a vida de oração é essencial para que possamos conhecer e amar a Deus; a penitência nos ajuda no caminho da santidade, educa nosso corpo e preserva a saúde espiritual; a Imaculada Conceição nos leva a entendermos que não estamos sozinhos nesta vida e muito menos abandonados à ação do mal, pois o Deus rico em misericórdia que, em sua benevolência preservou a Virgem Maria do pecado original, também nos alcança com sua Graça transbordante e inesgotável.

Que a devoção a Nossa Senhora de Lourdes nos inspire sempre mais a vivermos uma vida de intensa oração, pautada na pobreza evangélica e na penitência. Que assim seja!

Também em Lourdes, Maria nos leva a Jesus, como reflete o Papa emérito Bento XVI: “É significativo que, na aparição a Bernadete, Maria inicie o seu encontro com o sinal da Cruz. Mais do que um simples sinal, é uma iniciação aos mistérios da fé que Bernadete recebe de Maria. O Sinal da Cruz é de alguma forma a síntese da nossa fé, porque nos diz quanto Deus nos amou; diz-nos que, no mundo, há um amor mais forte do que a morte, mais forte do que as nossas fraquezas e os nossos pecados. A força do amor é maior do que o mal que nos ameaça. É este mistério da universalidade do amor de Deus pelos homens que Maria veio revelar aqui, em Lourdes. Ela convida todos os homens de boa vontade, todos aqueles que sofrem no coração ou no corpo, a levantar os olhos para a Cruz de Jesus a fim de encontrar nela a fonte da vida, a fonte da salvação”.

Padre Sebastião Ribeiro – Quase Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, Mãe da Esperança

17 visualizações
Contato

Praça Dom Eduardo, 56 - Bairro Mercês - Uberaba - MG

(34) 3312-9565

Redes Sociais

Facebook

Instagram

Twitter​

Youtube

Inscreva-se
Identidade visual para fundo escuro.png

INFORMAÇÕES

Praça Dom Eduardo, nº 56 - Mercês
Uberaba-MG - CEP: 38060-280
Tel: (34) 3312-9565

  • Secretaria / Chancelaria Ramal 1

  • Financeiro Ramal 2

  • Patrimônio Ramal 3

  • Tribunal Eclesiástico Ramal 4

  • Secretaria de Pastoral Ramal 5

curia.arquidiocesedeuberaba@gmail.com

ASSESSORIA DE IMPRENSA DA ARQUIDIOCESE DE UBERABA

HORÁRIOS DE ATENDIMENTO

  • Segunda a Sexta: 8h às 12h e 14h às 17h.

TVs Católicas

Rede_Vida_logo.png
cnbb-branca-260x80-2.png
vatican-news-header-white.png

Produzido pela pascom arquidiocesana

© 2019 by Arquidiocese de Uberaba

Pública na Rede