Novena de Natal 2020

Prezados Irmãos e Irmãs em Cristo,

Saúde e Paz!


“Tu vens, eu já escuto teus sinais”.

Em um primeiro momento, chegamos a achar que este ano não teríamos a nossa tradicional Novena de Natal; contudo, nos sentimos desafiados a enfrentar o “novo normal” e nos readaptarmos no método de evangelizar. Não podemos permitir que a pandemia frustre os ideais evangelizadores; precisamos seguir em frente e com um novo ardor missionário!


Teremos Novena de Natal, sim!

Fica difícil determinar de que forma nossa metodologia será aplicada, haja vista que cada cidade está enfrentando uma diferente realidade no tocante ao COVID-19. Por isso, vamos contar com a criatividade, a motivação, o senso de responsabilidade diante da vida e um desejo muito grande de fazer com que a preparação para o Natal alcance muitas famílias. Presencial ou on-line? As orientações de seu município é que dirão de que forma acontecerá.


Não desanimem! Superar barreiras e abrir portas é o primeiro objetivo de nossa Novena!

Os encontros serão mais breves, porém, quem seguir nossas orientações conseguirá fazer dos encontros da Novena momentos de intimidade com a Palavra e de grande espiritualidade. O encontro começa nos conduzindo à leitura do Evangelho (levem sempre a Bíblia); em seguida, percorreremos um breve “Caminho de Fé” que contextualizará a Palavra com a Vida. Este caminho findará com a partilha da Palavra proclamada, sempre procurando extrair uma lição para nossa vida em preparação para o Natal.


Jesus é o verbo de Deus que se fez homem.

A partilha da Palavra propiciará um momento de diálogo. Ali estaremos apresentando nosso ponto de vista, mas o que Deus deseja falar conosco por meio de seu Evangelho? Para ouvir Deus, é necessário o silêncio. A Novena deste ano nos propõe a cada encontro um momento de silêncio para meditarmos sobre o que ouvimos da Palavra e dos irmãos. Um pensamento e uma motivação serão os elementos condutores desse silêncio orante. Em silêncio, vamos refletir, mas esse momento será mais fecundo se os participantes conseguirem fazer alguns minutos de profundo silêncio interior, quando bloquearemos os pensamentos para ficarmos saboreando da presença do Senhor que nos envolve no silêncio.


Deus fala conosco por meio do silêncio.

Não podemos perder a dimensão pastoral da Novena de Natal, onde o testemunho de nossa fé é oferecido por nossas obras. O gesto concreto da Novena passa a ser o ápice de nossa reflexão. Que nenhum grupo se furte à parte prática da Novena. Este ano serão propostos aos grupos duas atividades: uma primeira, em favor de nossa Paróquia que, devido à pandemia acabou por encontrar alguma dificuldade econômica; a segunda será em favor de nosso próximo mais carente. Esta ação será de escolha de cada grupo. Contudo, vocês perceberão que a Novena nos interpelará quanto à continuidade de nossa ação social. Afinal, o “Cristo Sofredor” não tem necessidades somente no Natal!


Os cristãos precisam ter a ousadia de viver por suas obras um Natal todo dia!

Contamos com o empenho de todos para que a Novena de Natal 2020 seja um espaço fecundo de encontro com o Menino Deus, que mais uma vez anseia por renascer em nossos corações. Será um tempo profundo de evangelização. Sejamos agentes multiplicadores desta boa nova que é Jesus, principalmente aos que estão mais dispersos. Não nos deixemos desanimar pelos desafios; eles fazem parte do caminho e trazem o dom de nos levar ao exercício da perseverança!

Desejo a todos uma boa Novena de Natal, colocando-me à disposição para auxiliá-los no que for preciso.

Desde já um FELIZ E SANTO NATAL a vocês!

Padre Márcio André Ferreira Soares

Coordenador da Novena de Natal

196 visualizações