Período de Síntese


Após ter concluído a formação acadêmica de teologia na PUC-Minas, neste primeiro semestre de 2021, fui aprovado para a próxima etapa formativa que é o estágio em uma paróquia da Arquidiocese de Uberaba. Nesta etapa, o seminarista acompanha mais de perto o dia a dia da Paróquia, as atividades do padre e também desempenha suas ações pastorais com maior ênfase e dedicação.

Este período de síntese, indicado pela Igreja e vivido pelo seminarista, é de suma importância, pois é o momento em que se vive a transição entre a formação dentro do seminário e a formação permanente fora dele. Neste momento que antecipa a ordenação diaconal, o seminarista ainda é acompanhado pelos formadores, pelo padre de pastoral e vive sua vida de oração não somente com outros seminaristas, mas com toda a comunidade que o acolhe para a síntese e, é claro, sustenta seu acompanhamento na direção espiritual, vislumbrando uma nova missão.



Aqui na Paróquia São Judas Tadeu, com o padre Juliano, os agentes de pastoral e toda a comunidade, realizo meu período de síntese vocacional. Eles me acolheram muito bem, com um carinho e atenção muito grandes. A transição de uma realidade formativa dentro de um seminário para uma realidade paroquial foi muito tranquila e agradável, pois já conhecia o padre e a comunidade.

Por fim, gostaria de pedir a todos vocês que rezem por mim e por todos os seminaristas, para que nós, durante o período de formação inicial e no percurso da formação permanente, consigamos ser padres configurados a Jesus Cristo, o Bom Pastor. Rezem, pedindo a Deus santas vocações, para que não pereçamos por falta de pastores.


Seminarista Otávio Spinelli

27 visualizações