Santuário de Nossa Senhora da Abadia realiza reunião aberta para prestação de contas

Na noite da última quinta-feira (14), o pároco do Santuário de Nossa Senhora da Abadia, em Uberaba, padre Alexsandro Ribeiro Nunes, convocou reunião com todas as pastorais e movimentos da paróquia para prestação de contas. A reunião foi motivada por notícia inverídica divulgada em jornal de grande circulação da cidade, no dia 14 de fevereiro de 2019, sobre a recusa do pároco do Santuário de Nossa Senhora da Abadia em prestar contas da festa de 2018 para leigo.

O veículo em questão foi convidado pelo pároco para estar presente na reunião, mas não compareceu, justificando que estaria fazendo a cobertura da presença do governador do estado de Minas Gerais (MG), Romeu Zema, em Uberaba.

A reunião foi realizada dentro do próprio Santuário, após a celebração da missa das 19h. “Estamos fazendo esta reunião diante da imagem de Nossa Senhora da Abadia”, disse o pároco, que comentou sua tristeza ao ler a falsa notícia publicada pelo jornal, uma vez que seu trabalho é baseado na transparência, e reafirmou que a prestação de contas foi realizada. “Nós prestamos conta ao CPP (Conselho Paroquial de Pastoral), ao CPA (Conselho Paroquial Administrativo) e para a Arquidiocese”. O padre reforçou que as contas não são abertas indiscriminadamente para todos por questões de segurança, diante da sociedade violenta e das inúmeras ocorrências de assaltos e arrombamentos nas paróquias da cidade.

A secretária do Santuário de Nossa Senhora da Abadia, Jéssica Campos, foi convidada pelo pároco para apresentar a prestação de contas. Jéssica repassou para os presentes os valores exatos da conta corrente e da conta aplicação do Santuário. “Todo mês nós enviamos o balancete descritivo das entradas e das saídas diárias para o escritório de contabilidade da paróquia, onde é enviado o balancete, o extrato da conta corrente e o extrato da conta aplicação. Esse balancete contém também toda a movimentação dos documentos das contas a pagar. Tanto a Cúria quanto o escritório de contabilidade têm acesso livre à prestação de contas. Ou seja, a qualquer momento o arcebispo, o escritório de contabilidade e a tesouraria da Arquidiocese, tem acesso ao nosso sistema, ao nosso login”.

Padre Alexsandro releu os valores atuais das contas do Santuário. Também citou o andamento das próximas obras, repassou a previsão dos valores e reforçou: “Pode vir e pedir as notas fiscais das obras”. Padre Alexsandro convidou padre Vicente Ruy Marot, vigário paroquial do Santuário, para dar uma palavra. Padre Vicente reforçou a transparência e a dedicação com as obras do Santuário.

Ao final da reunião foi dado espaço para perguntas e questionamentos. Padre Alexsandro se colocou à disposição de todos, agradeceu aos presentes e finalizou a reunião com a benção sob a intercessão de Nossa Senhora da Abadia, padroeira do Santuário e da cidade de Uberaba.


Arquidiocese de Uberaba aguarda retratação do jornal

A assessoria de imprensa da Arquidiocese de Uberaba entrou em contato com o veículo na última quinta-feira (14) e solicitou por parte do jornal e do colunista que fosse feita retratação na edição desta sexta-feira (15), sobre o grave erro cometido pela coluna, ao publicar Fake News (notícia falsa) envolvendo o pároco e o Santuário de Nossa Senhora da Abadia.

Lamentavelmente não houve ainda a retratação, apenas a publicação de uma nova nota, intitulada “Resposta”, na mesma coluna, onde o jornalista cita somente as informações repassadas pelo pároco: “O pároco Alexsandro, do Santuário de Nossa Senhora da Abadia, declarou à coluna que as prestações de contas da festa da padroeira e do ano de 2018 já foram apresentadas ao Conselho Administrativo Paroquial e ao Conselho Paroquial Pastoral, além da Cúria. Também estão à disposição dos paroquianos na tesouraria da igreja. Disse que o lucro da festa foi de cerca de R$300 mil e os recursos aplicados chegam a R$500 mil. Parte está sendo usada na reforma das imagens, pintura da lateral da avenida Prudente de Moraes e presbitério. Também vão ajudar na construção do velário e sala de milagres. Ontem, as contas voltaram a ser mostradas à comunidade, após a missa das 19 horas, para tirar quaisquer dúvidas”.

O direito de resposta é o direito que a pessoa ofendida por alguma publicação tem de requerer que aquele que publicou a matéria ofensiva publique também uma resposta proporcional, na qual é contada a versão do ofendido. Tal direito é previsto na Constituição Federal, que dispõe, em seu art. 5º, inciso V, que “é assegurado o direito de resposta, proporcional ao agravo, além da indenização por dano material, moral ou à imagem”. Todavia, a Constituição não esclarece em quais casos e de que forma tal direito pode ser exercido.

Tendo em vista que, conforme previsto na Constituição, o direito de resposta deve ser proporcional, a lei prevê que a resposta deve receber o mesmo destaque, publicidade, periodicidade e dimensão da matéria que a ensejou. O que não foi feito pelo jornal em questão e pelo colunista. Na edição de quinta-feira (14), a notícia falsa publicada ganhou destaque na capa do jornal e no topo da coluna do jornalista e ainda como manchete na versão online do veículo. A resposta, publicada nesta sexta-feira (15) pelo veículo, não deu destaque ao assunto, ele não aparece na chamada de capa do jornal nem no topo da coluna.

Assessoria de Imprensa da Arquidiocese de Uberaba

5 visualizações
Contato

Praça Dom Eduardo, 56 - Bairro Mercês - Uberaba - MG

(34) 3312-9565

Redes Sociais

Facebook

Instagram

Twitter​

Youtube

Inscreva-se

INFORMAÇÕES

Praça Dom Eduardo, nº 56 - Mercês
Uberaba-MG - CEP: 38060-280
Tel: (34) 3312-9565

  • Secretaria / Chancelaria Ramal 1

  • Financeiro Ramal 2

  • Patrimônio Ramal 3

  • Tribunal Eclesiástico Ramal 4

  • Secretaria de Pastoral Ramal 5

curia.arquidiocesedeuberaba@gmail.com

ASSESSORIA DE IMPRENSA DA ARQUIDIOCESE DE UBERABA

HORÁRIOS DE ATENDIMENTO

  • Segunda a Sexta: 8h às 12h e 14h às 17h.

TVs Católicas

Produzido pela pascom arquidiocesana

© 2019 by Arquidiocese de Uberaba

Pública na Rede

Minas Gerais - Brasil

  • Facebook da Arquidiocese de Uberaba
  • Twitter da Arquidiocese de Uberaba
  • Instagram da Arquidiocese de Uberaba
  • Youtube da Arquidiocese de Uberaba